BIODERM
Olá, cadastre-se ou efetue seu login

O que você procura?

  • Suco Verde em Cápsula Plus - Detox IN
  • Suco Verde em Cápsula Plus - Detox IN
Imagem meramente ilustrativa
  • facebook
  • twitter
  • googlePlus

Suco Verde em Cápsula Plus - Detox IN

Suco Verde em Cápsula Plus - Detox IN é um produto desintoxicante e antioxidante que elimina as toxinas resultantes de situações como stress, poluição, bebidas alcoólicas, má Alimentação, exercícios físicos,  entre outras atividades.

R$ 190,00 180.5
Formas de Pagamento
Pague com: Visa em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: Master Card em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: Diners em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: Mup Boleto em Até 1 x de R$ 190,00
Pague com: American Express em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: PagSeguro em Até 1 x de R$ 190,00
Pague com: Elo em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: Aura em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: JCB em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)
Pague com: Discover em Até 3 x de R$ 63,33
  • 1x de R$ 190,00 (sem juros)
  • 2x de R$ 95,00 (sem juros)
  • 3x de R$ 63,33 (sem juros)

Ação

Detox IN  é Composto Por: 

Aminoácidos - detoxifica, metaboliza e eliminação Toxinas, respostas imunológicas auxilia, Fonte de Energia, na Ajuda Memória e Concentração, estimula a Produção de colágeno, evita a fadiga, Aumenta a sensação de Bem-Estar (1,2,3,4)

Amora Morus Nigra - Biológicas Propriedades, antioxidante Frente EAo Radicais superóxidos (O2 • -), pe ¬ róxido de Hidrogênio (H2O2), hidroxila (OH •) e AO singlete Oxigênio (O2), inibe a peroxidação lipídica, e potente quelante Atividade 5 .

Boldo do Chile Peumus boldus-PROPRIEDADES anti-inflamatória, antipirética, capacity citoprotetora e potencial antioxidante, Componente fenólico Se Liga AO radical Livre e protege o Sistema biológico (22,23,24).

Carqueja Baccharis trimera-constítuida majoritariamente POR saponinas e Componentes fenólicos. Antioxidantes caracteristicas, protegido como Membranas lipídicas. Estudos in vitro e in vivo sugerem o Estímulo à Atividade antioxidante e detoxificante (17,18).

Cavalinha Equisetum arvense-Possui Propriedade antioxidante, sequestrante de Radicais Superóxido, ALÉM de diurética ser, antipirética, antitussígeno, anti-inflamatória, e AINDA auxilia na Absorção de Cálcio (a 19,21).

Chlorella Chlorella Vulgaris - microalga verde com Estudos in vitro e in vivo das PROPRIEDADES anti-inflamatório, Estímulo AO Sistema imunológico e anti-tumoral. A Há RELATOS da Atividade in vitro inibidora de Produtos AVANÇADOS de glicação e Estudos in vitro e in vivo comprovando SUA Propriedade antioxidante (12,13,14).

O resultado varia de pessoa para pessoa, dependendo do estilo de vida de cada um e do uso correto do produto

Dúvidas

Indicação

Elimina Toxinas como resultantes de Bebidas alcoólicas, Cigarro, Poluição, stress e Má Alimentação.

Composição

Detox 500mg
excipiente 1 cápsula

 

Modo de usar

Tomar 1 cápsula Apos o café da Manhã ou Refeição durante 30 Dias.

Validade

6 meses

Advertências

1-ANTES DE INICIAR A UTILIZAÇÃO DO MEDICAMENTO, veja se as informações constantes no seu rótulo estão de acordo com o pedido. Caso haja divergência, favor não iniciar o tratamento e procure o farmacêutico responsável técnico para maiores esclarecimentos.

2-todo medicamento deverá ser armazenado em local fresco, fora de umidade, calor. protegendo da luz solar e de fontes de radiação eletromagnética.

3-seguir corretamente o modo de conservação indicado, conservar em geladeira ou não, mantendo o frasco devidamente fechado após a abertura do mesmo.

4-todo medicamento deve ser mantido fora do alcance de criança.

5-Em caso de qualquer alteração no produto como: odor, sabor, cor, consistência ,procure orientação do farmacêutico.

6-Informar o seu médico a ocorrência de gravidez durante o tratamento e/ou após o seu término e se esta amamentando.

7-Em caso de cápsulas, havendo algodão e/ou cápsulas de sílica no interior do pote, mantenha-os após abertura do mesmo.

8-Não ingerir bebidas alcoólicas durante o tratamento.

9- Alguns medicamentos de uso tópico podem causar irritação na pele, favor consultar o seu médico e/ou farmacêutico.

10-Este medicamento não deve ser utilizado para menores de 18 anos sem orientação de um médico especialista, embora não exista contra indicação de faixas etárias, recomendamos a utilização do produto para pacientes na idade adulta.

11-Manuseio correto de formulas:

11.1-lavar as mãos e secá-las bem antes de manusear qualquer formulação para evitar contaminação.

11.2-formulações em cápsulas - com auxilio da tampa retirar apenas a quantidade de cápsulas desejada, evitando o contato com as demais.

11.3-formulações líquidos orais- antes de reutilizar seringas, copo medidor ou conta-gotas sempre lavar com água corrente para evitar a contaminação.

11.4-formulações de uso tópico- não reutilizar espátulas para aplicação de produtos cosméticos e/ou dermatológicos sem antes limpa-las com água corrente.

11.5-formulações de uso vaginal ou anal- os aplicadores são descartáveis (não sendo reutilizados) exija a quantidade correta para o tratamento.

12-Utilize o produto conforme a orientação, respeite os horários, as doses e o prazo de validade.

13- A eficácia e resultado do tratamento esta ligado diretamente ao uso correto da posologia e dose recomendada pelo profissional habilitado, deve se levar em consideração as diferenças de cada individuo como velocidade do metabolismo, doenças crônicas e genética, não podendo ser considerado um produto que tenha efeitos iguais a todos os indivíduos, caso o resultado não seja o esperado, procure um médico especialista.

14-Consumir o medicamento respeitando o seu prazo de validade, pois pode causar danos a saúde.

15-Não associar medicamentos sem o conhecimento do seu médico. Informe sobre qualquer medicamento que esteja usando antes do início ou durante o tratamento.

16-Alguns medicamentos podem produzir comprometimento significativo no desempenho do trabalho e na capacidade de dirigir no dia seguinte.

Referências Bibliográficas

• 1 FÜRST, P. Fundamentos em nutrição clínica: As proteínas e aminoácidos. e-SPEN, a Comissão Europeia e-Journal of Clinical Nutrition and Metabolism, v.4, n. 2, p. e62-e65 de 2009.
• 2 Stadtman, ER; Remmen, H. VAN; RICHARDSON, A.; WEHR, NB; Levine, oxidação RL Metionina e envelhecimento. Biochimica et biophysica acta, v 1703, n. 2, p. . 135-40,2005
• 3 LEVINE, RL; Berlett, BS; Moskovitz, J.; Mosoni, L.; Stadtman, resíduos ER metionina podem proteger as proteínas dos danos oxidativos crítica. Mecanismos ofageing e desenvolvimento, v 107, n. 3, p. 323-32, 1999.
• 4 D'ANIELLO, A. D-ácido aspártico: um aminoácido endógeno com um papel importante neuroendócrino. Comentários Brain Research, v 53, n. 2, p. 215-34, 2007.
• 5 KOCA, I.; KARADENIZ, propriedades B. antioxidantes de frutas amora e mirtilo cultivadas na região do Mar Negro, na Turquia. Scientia Horticulturae, v 121, n. 4, p. . 447-450,2009
• 6 O'BRIEN, P.; CARRASCO-POZO, C.; SPEISKY, H. Boldina e suas propriedades antioxidantes ou propriedades promotoras de saúde. Interações químico-biológicos, v 159, np 1-17, 5 jan 2006.
• 7 VIEIRA, TO; SEIFRIZ, I.; Charão, CCT; OLIVEIRA, SQD; CRECZYNSKI-PASA, efeitos TB antioxidantes de extratos brutos de espécies de Baccharis : inibição da atividade da mieloperoxidase, a proteção contra a peroxidação lipídica, e ação como limpador espécies oxidativo. Revista Brasileira de Farmacognosia, v 21, n. 4, p. 601-607, 2011.
• 8 RODRIGUEZ-GARCIA, I.; GUIL-GUERRERO, JL Avaliação da atividade antioxidante de três espécies de microalgas para uso como suplementos dietéticos e na conservação dos alimentos. Food Chemistry, v 108, n. 3, p. 1023-1026, 2008.
• 9 CHEN, C.-L.; LIOU, S.-F.; CHEN, S.-J.; SHIH, M.-F. Os efeitos protectores de péptido Chlorella derivados na produção induzida por UVB de MMP-1 e a degradação dos genes de procolagénio em fibroblastos da pele humanos. Toxicologia e farmacologia Reguladora, v 60, n. 1, p. 112-9, 2011.
• 10 Haussinger, D. regulação do pH. Metabolismo Clínica e Experimental, v 75, n. , 1993, p. 181-192, 2004.
• 11 CITY, C.; DOENÇAS, DEFENSIVA I. HOST E estudo farmacológico DE TENSÃO Chlorella vulgaris, CK em relação a desintoxicação e prevenção do câncer nos últimos dez anos. Atta-ur-Rahman (Ed.) Estudos em Química de Produtos Naturais. v. 30, p. 761-795, 2005.
• 12 YAMAGISHI, S.; NAKAMURA, K.; Inoue, H. potenciais terapêuticos da unicelulares Chlorella alga verde em avançado produto final de glicação (AGE) relacionadas com distúrbios. Hipóteses médicas, v 65, p. 953-5, 2005.
• 13 Nakashima, Y.; Ohsawa, I.; KONISHI, F. et al. Efeitos preventivos da Chlorella sobre o declínio cognitivo em camundongos modelo demência dependentes da idade. Letras neurociência, v 464, p. 193-8, 2009.
• 14 RODRIGUEZ- GARCIA, I.; GUIL-GUERRERO, JL Avaliação da atividade antioxidante de três espécies de microalgas para uso como suplementos dietéticos e na conservação dos alimentos. Food Chemistry, v 108, p. 1023-1026, 2008.
• 15 JACQUES, AC; ZAMBIAZI, RC fitoquímicos los amora-preta (Rubus spp) fitoquímicos em amora. Semina: Ciências Agrárias, v.32, n. 1, p. 245-260, 2011.
• 16 gene, RM; Cartañá, C.; ADZET, T. et al. Anti-inflamatório e atividade analgésica de Baccharis trimera: identificação dos seus componentes ativos. Planta Medica, v 62, n. 3, p. 232-5, 1996.
• 17 VIEIRA, TO; SEIFRIZ, I.; Charão, CCT; OLIVEIRA, SQD; CRECZYNSKI-PASA, efeitos antioxidantes TB de extratos brutos de espécies de Baccharis: inibição da atividade da mieloperoxidase, a proteção contra a peroxidação lipídica e ação como limpador espécies oxidativo. Revista Brasileira de Farmacognosia, v 21, n. 4, p. 601-607, 2011.
• 18 NOGUEIRA, NPA; REIS, PA; LARANJA, GAT et al. In vitro e in vivo de avaliação toxicológica do extrato e frações de Baccharis trimera com atividade anti-inflamatória. Jornal de Etnofarmacologia, v 138, n. 2, p. 513-522, 2011.
• 19 NAGAI, T.; MYODA, T.; NAGASHIMA, atividades antioxidante do extrato de T. água e extrato etanólico de campo cavalinha (tsukushi) Equisetum arvense L. Food Chemistry, v 91, n. 3, p. 389-394, 2005.
• 20 Mandelker, L.; WYNN, efeitos S. celulares de vários herbs.pdf. Vet Clin Small Anim, v 34, p. 355-368, 2004.
• 21 GUILHERME DOS SANTOS, J.; HOFFMANN MARTINS DO MONTE, F.; MARCELA BLANCO, M. et al. Melhoria cognitiva em ratos idosos após a administração crônica de Equisetum arvense L. com propriedades antioxidantes demonstrada in vitro. Farmacologia, bioquímica e comportamento, v 81, n. 3, p. 593-600, 2005.
• 22 O'BRIEN, P.; CARRASCO-POZO, C.; SPEISKY, H. Boldina e suas propriedades antioxidantes ou propriedades promotoras de saúde. Interações químico-biológicos, v 159, n. 1, p. 1-17, 2006.
• 23 C. Desmarchelier, G. CICCIA; E J. COUSSIO. Plantas. Estudos em Química de Produtos Naturais, v.22, p. 343-367, 2000.
• 24 Cederbaum, A I.; Kukiełka, E.; SPEISKY, H. A inibição da ratazana hepática microssomal peroxidação lipídica por boldina. Farmacologia bioquímica, v 44, n. 9, p. 1765-1772, 1992.
• 25 SILVA, DDV; CARVALHO, W.; CANILHA, L.; Mancilha, IM Via fermentativa Parte 2: Aminoácidos e Vitaminas. Revista Analytica, v 19, p. 62-73, 2005.
• 26 HA, E.; ZEMEL, MB propriedades funcionais de soro de leite, soro de leite componentes e aminoácidos essenciais:. mecanismos subjacentes benefícios de saúde para pessoas ativas (revisão) The Journal of Nutritional Biochemistry, v.14, n. 5, p. 251-258, 2003.
• 27 SHAO, A.; Hathcock, avaliação do risco para o JN taurina aminoácidos, L-glutamina e L-arginina. Toxicologia e farmacologia Reguladora, v 50, n. 3, p. 376-99, 2008.

 

*Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 585/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!

COMENTÁRIOS


Versão Clássica